Nesta quarta-feira, 30 de novembro, o município de Saquarema, em parceria com o SEBRAE realizou a cerimônia de lançamento da Rede de Agentes de Desenvolvimento da Região dos Lagos.

Criada em abril deste ano, sob a condução do SEBRAE e com a participação de 8 municípios ( Arraial do Cabo, Saquarema, Casimiro de Abreu, São Pedro da Aldeia, Iguaba Grande, Cabo Frio, Rio das Ostras e Silva Jardim), a Rede Lagos tem o propósito principal de trabalhar pelo desenvolvimento integrado e colaborativo dos municípios participantes com agentes nomeados pelos municípios, atendendo os preceitos a Lei Complementar 123 de 2006, mais conhecida como Lei Geral da Micro e Pequena Empresa.

Desde sua criação, foram promovidos 11 encontros com a proposta de intervenção regional, que conecta lideranças públicas para a construção de uma visão de desenvolvimento comum sobre o território.

Anfitriã do encontro, a Prefeita de Saquarema, Manoela Peres que apoiou a iniciativa desde o primeiro momento, entendendo o papel dos Agentes de Desenvolvimento e valorizando sua atuação no apoio as estratégias e diretrizes dos municípios e na promoção da integração Regional falou sobre a criação da Rede.

“Acredito que a criação dessa rede viabilize a troca e ideias e de conhecimentos, além da facilidade proporcionada para a resolução de nossos problemas.  A rede chega para ajudar ainda mais no desenvolvimento de nosso município” afirmou Manoela Peres.

Duas palestras fizeram parte da programação do evento. A primeira foi do consultor do Sebrae Marcus Macedo, um dos condutores do planejamento da Rede Lagos, falou sobre a modernização da Gestão Pública. Logo depois, o vencedor no Prêmio SEBRAE Prefeito Empreendedor em 2022, na Categoria de Compras Governamentais e finalista na Categoria Cidades Empreendedoras, o prefeito de Teresópolis Vinícius Claussen, falou sobre o sucesso de sua gestão no município.

Os Agentes da Região dos Lagos estão sendo capacitados e acompanhados pelo SEBRAE para a elaboração de um Plano de Ações Estratégicas, que será entregue a cada Município.  Nomeados pelos municípios, os agentes tem como função dar suporte as estratégias do desenvolvimento do município, auxiliando no processo de implantação dos programas e projetos contemplados na Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, promovendo articulações e integrando as temáticas em prol do desenvolvimento local, além de promover articulação de parcerias com entidades públicas e privadas, visando gerar novas oportunidades e atração de novos investimentos para o município.