O Teatro Municipal Mário Lago receberá, nos dias 18, 19, 25 e 26, o workshop de teatro “O Movimento da Palavra”. As aulas serão ministradas das 17:30h às 20:30h e haverá uma aula final, dia 27, às 20 horas, aberta ao público. A atração é parte integrante do 1º Festival de Teatro de Saquarema que está sendo realizado neste mês de janeiro.

Entendendo o corpo como um instrumento que o ator utiliza para fazer chegar ao público a palavra, Johayne Hildefonso pensa que toda aparelhagem corporal deve ser muito bem trabalhada. De nada adianta um texto num corpo sem expressão e movimento. Outro ponto importante a ser desenvolvido é a respiração. A fala pode mudar de acordo com a tensão corporal e a respiração é um mecanismo importante nas técnicas de atuação. A oficina: “O Movimento da Palavra” é embasada não só no verbo mas, fundamentalmente, no corpo. Durante as aulas o aluno terá uma experiência prática corporal com textos e coreografias.

Johayne Hildefonso

São três décadas de arte em movimento na trajetória de Johayne Hildefonso. O artista em formação que entrou para o respeitado Tablado em 1988, hoje é ator, diretor e coreógrafo, com currículo de mestre. Não à toa, também se tornou professor de interpretação e improvisação no mesmo Tablado que o iniciou.
Sua aproximação com o Grupo Nós do Morro – outra credencial importante – começou nos anos 90 e segue até hoje. Por lá, trabalhou e trabalha, entre outras atividades, como diretor de movimento. Esteve na equipe de espetáculos como “Abalou – Uma musical Funk”, que recebeu indicação ao Prêmio Coca Cola de Teatro Jovem, em 1997; “Machado a 3X4”, pelo qual foi indicado na categoria especial, como diretor de movimento, no Prêmio Shell de 2009 e como um dos diretores da apresentação que o Nós fez na edição 2019 do Rock in Rio, no celebrado Espaço Favela. No cinema, já esteve em filmes como “Tropa de Elite 2” (Dir. José Padilha) e “A Caminho das Nuvens” (Dir. Vicente Amorim). Seu trabalho já ultrapassou as fronteiras brasileiras e foi parar em lugares como Inglaterra e Escócia.
Nos palcos, Johayne pode atuar, dirigir, ensinar, apresentar… Assim como a palavra, ele está sempre em movimento.

As inscrições para o workshop são gratuitas, já estão abertas e podem ser efetuadas AQUI