A Prefeitura de Saquarema continua prestando ajuda à população de Petrópolis, por conta da tragédia ambiental que assolou a cidade, não só através de doações de mantimentos e água mineral, mas também mediante a disponibilização de tecnologia e pessoal especializado.

Primeiros a se dirigirem a Petrópolis, onde chegaram na sexta-feira (18), membros da Secretaria Municipal de Meio Ambiente foram responsáveis pela captação, junto ao comércio de Saquarema, de 4.500 garrafas de 1,5l de água mineral, transportados para a cidade Serrana. Uma segunda equipe seguiu, na mesma data, levando 2 drones que fizeram o mapeamento das áreas sensíveis mostrando pedras na iminência de despencar e o quanto de massa já havia escorregado. Com a equipe, que também participou da desobstrução de vias e da busca por desaparecidos, seguiu a cadela farejadora, Toya, que apontou a localização de três corpos de vítimas da tragédia

Ainda na sexta-feira, técnicos da Secretaria Municipal de Urbanismo de Saquarema também estiveram em Petrópolis e realizaram, com a utilização de drones, o levantamento aéreo tridimensional do Morro da Oficina, onde houve um grande deslizamento da encosta. O trabalho, feito a partir de uma montagem aerofotogramétrica com cerca de 100 imagens de drone com georreferenciamento, processada em software próprio, permite o cálculo do volume de terra desprendido e também identificar indícios das áreas onde ainda podem ocorrer deslizamentos. O modelo digital foi encaminhado ao setor de Geoprocessamento da Prefeitura de Petrópolis, vinculado ao Gabinete de Crise, e a simulação virtual será fundamental como apoio para a tomada de decisões.

“Nossas equipes técnicas estão atuando no levantamento de dados e criação de modelos 3D para facilitar a tomada de decisão por parte das autoridades petropolitanas. Estamos somando forças para reconstruir Petrópolis!”, afirmou o Secretário Municipal de Urbanismo, Felipe Araújo.

 

Agentes de segurança também estão na Cidade Imperial

Nesta terça-feira, 22, atendendo a pedido da Secretaria de Estado de Defesa Civil – Sedec-RJ , a Secretaria Municipal de Segurança e Ordem Pública de Saquarema, por meio da Coordenadoria de Defesa Civil, da Guarda Civil Ambiental e do Grupamento Marítimo – Salvamar, reuniu parte de seu contingente e montou uma equipe de 20 agentes e 2 voluntários para atuarem em Petrópolis. A missão seguirá de forma efetiva até a próxima sexta-feira, participando na busca por desaparecidos.

“A situação na cidade é muito crítica e ainda há muito o que fazer, principalmente na limpeza da cidade e nas buscas aos desaparecidos. Muitos pontos ainda apresentam instabilidade e possuem riscos para a população e para as equipes de resgate.”, informou o Coordenador da Defesa Civil, Pedro Soares.

“Viemos atendendo ao chamado do Estado e à convocação da Prefeita Manoela Peres. A população de Petrópolis precisa do apoio de todos para reestruturar a cidade”, completou o Secretário Municipal de Segurança e Ordem Pública, Evanildo Andrade.

 

Doações ainda podem ser feitas

As doações de água, alimentos não perecíveis, produtos de limpeza e higiene pessoal, além de roupas, cobertores e colchonetes ainda podem ser feitas nos seis postos montados pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social na cidade. Distribuídos nos três distritos, os postos são os seguintes:

– CREAS (Avenida Saquarema, 4299, Porto da Roça);
– CRAS da Raia (Rua Maria Ferreira, 36);
– CRAS Rio d’Areia (Rua José Ferreira, s/n);
– CRAS Bonsucesso (Estrada de Bonsucesso, 121);
– CRAS Jaconé (Rua 22 com a 96);
– CRAS Sampaio Corrêa (Rua Primeiro de Maio, 115).