Com o expressivo aumento do resgate de répteis, principalmente de serpentes, em Saquarema – somente nos últimos 3 meses foram 28 resgates -, a coordenação da guarda ambiental enviou seus agentes, no último final de semana, para participarem do curso “Manejo de Répteis”, voltado aos profissionais de biologia e veterinária que atuam com essa classe de animais. Promovido pelo Parque de Educação Ambiental Arca do Noah, em Guaratiba, na zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro, o curso foi ministrado por especialistas no assunto.
Foram abordados desde o histórico da existência dos répteis, alguns comuns como jacarés, crocodilos, jabutis, tartarugas, cágados, lagartos, serpentes, outros exóticos como o lagarto sem pernas, gaviais, serpentes do milho americana (cornsnake), até aspectos relacionados à anatomia, fisiologia, reprodução, alimentação, criação e suas finalidades, bem como as regulamentações atinentes, ambiente favorável ao bem estar animal e local de ocorrência.
Ao final do curso, foi realizada atividade prática de contenção e manejo em alguns animais do parque, com orientações adicionais de prevenção, riscos e segurança em tempo real. Foi, também, observada a necessidade de ser estabelecido um canal para compartilhamento de boas práticas, principalmente para os profissionais das guardas que atuam no resgate e manejo de animais.

A Guarda Ambiental de Saquarema, que ao longo de sua existência tem se especializado, bem como realizado atualizações para atender cada vez melhor às demandas e ocorrências surgidas na cidade, alerta à população sobre a importância de não manipular animais silvestres, pois o contato sem a constatação do seu estado sanitário pode ser prejudicial à saúde. Em caso de avistar espécimes em situação de risco, a orientação é entrar em contato através do telefone 22-99279-0540 e do e-mail guardaambiental@saquarema.rj.gov.br e solicitar o resgate. No caso de cobras, as instruções são manter o afastamento, isolar a área e acionar a Guarda.